Diretor do Plano Nacional das Artes apoia C3D UNESCO

O diretor da Comissão Executiva do Plano Nacional das Artes endossou o apoio à Candidatura da Covilhã a Cidade Criativa da UNESCO em Design, durante o mês de maio. Paulo Pires do Vale associa-se à C3D UNESCO por entender que os objetivos da candidatura se “cruzam com os da estratégia do Plano Nacional das Artes (PNA)”. A integração do PNA pressupõe o envolvimento da população e do património com as artes, nomeadamente, através de residências artísticas em algumas escolas da Covilhã.

Na missiva de integração na Candidatura da Covilhã a Cidade Criativa na área do Design, Paulo Pires do Vale dá os parabéns à autarquia e à parceria alargada pela iniciativa, destacando que esta aproximação faz sentido porque tanto a C3D UNESCO como o PNA defendem o “acesso à fruição e produção cultural, a relação de proximidade entre os cidadãos e os patrimónios e as artes e o desenvolvimento criativo pessoal e comunitário”, destacou o Comissário.

Ora, estando já o PNA a ser aplicado em duas escolas do concelho, a Escola Secundária Quinta das Palmeiras e a Escola Secundária Campos Melo, Pires do Vale sublinha ainda que a parceria com a C3D UNESCO contribuirá para “aprofundar projetos de aproximação das artes, do design e do património nessas escolas, de modo transdisciplinar, sublinhando a sua relação com a cidadania e a sustentabilidade”, frisou. O responsável pretende que esta integração do Plano Nacional das Artes na Covilhã, Cidade Criativa seja consequente, propondo, à partida, a presença de um Designer Residente nas Escolas do Município, de acordo com o Projeto Artista Residente do Plano Estratégico do PNA.

A estrutura da Covilhã, Cidade Criativa recebeu “com muito agrado a disponibilidade do Plano Nacional das Artes para se associar à candidatura à UNESCO”. O Diretor Executivo, Francisco Paiva, sublinha, em particular, “a possibilidade de beneficiar da presença de designers residentes nas escolas do Concelho”. O regozijo é partilhado por Vítor Pereira, Presidente do Município da Covilhã, e por Regina Gouveia, Vereadora com o Pelouro da Cultura e Coordenadora Geral da candidatura da Covilhã a Cidade do Design da Rede de Cidades Criativas da UNESCO.