Este Zêzere que nos une

“Este Zêzere que nos Une” é a designação do projeto liderado pelo Município da Covilhã para a valorização e preservação daquele rio como património natural e identitário.

A iniciativa, aprovada pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), é desenvolvida em parceria com as autarquias de Belmonte, Fundão e Manteigas e tem como base um programa cultural em rede inspirado no património natural da Grande Rota do Zêzere (GRZ). O objetivo é potenciar o território como destino turístico sustentável através do programa “As Artes em Diálogo com o Zêzere”, que inclui a realização de espetáculos de música, dança, teatro, artes performativas, entre outros, nos municípios envolvidos.

Há também “O Zêzere, os Plásticos e as Artes Plásticas” para alertar para as questões ambientais e para a poluição, através de uma residência artística de um conceituado artista plástico que vai reutilizar lixo recolhido no Zêzere ou nas zonas envolventes dos quatro municípios.

Finalmente, “O Zêzere em Fotografia” consistirá na contratação de fotógrafos de referência, locais e nacionais, para participarem em projetos fotográficos sobre o rio, que serão impressos em grandes formatos e colocados ao longo da GRZ, e para realizarem “masterclasses”, workshops e passeios fotográficos abertos à comunidade.

O período de execução previsto para esta iniciativa vai de janeiro de 2021 a junho de 2022.